Como Eliminar Cloro da Água 

“Quer você esteja preocupado com o cloro na água que você bebe, que fica no aquário ou que irriga o jardim, há muitas formas rápidas e fáceis de se eliminar o cloro de sua composição. Métodos naturais como a fervura e a evaporação são úteis para pequenos volumes. No entanto, fazê-lo com um grande volume de água possivelmente precisará do uso de um aditivo. De qualquer modo, vale a pena investir em um sistema de filtragem capaz de remover a presença de cloro da fonte a fim de poupar tempo.
– Eliminando o cloro de um aquário ou lago
Instale um borrifador de aeração no aquário. Se você quer eliminar o cloro em um lago ou aquário, use um borrifador (como os modelos que se conectam a mangueiras) para injetar ar na água que nele entra. O cloro é altamente volátil e, por conta disso, se dissipará naturalmente em corpos de água abertos, mas a aeração acelera o processo consideravelmente.

  • No entanto, a aeração não funciona para a cloramina, um aditivo menos volátil usado em algumas regiões. Nesse caso, será necessário usar um aditivo para obter os resultados desejados.
 
Use um aditivo capaz de eliminar o cloro e a cloramina. Você pode encontrar esses produtos em qualquer loja de produtos para animais. Cada um deles especifica a quantidade de água que podem tratar, então leia as instruções com cuidado. Para inseri-lo, você precisa abrir a tampa do recipiente e virar a garrafa de cabeça para baixo, a fim de gotejar a quantia necessária.

  • A água estará pronta para uso imediato.
  • Se você estiver usando a água de um aquário com filtro biológico, opte por um produto que não contenha um removedor de amônia, que poderá trazer problemas para o filtro.
 
Aere o aquário com uma bomba de ar. Você deve sempre eliminar o cloro da água antes de colocá-la em um aquário, mas a injeção de ar também ajuda nessa remoção. Aquários costumam requerer uma bomba de ar que ajude na circulação da água e, por isso, você conseguirá a aeração e, de brinde, a remoção do cloro.

  • Compre a bomba apropriada ao tamanho e tipo do aquário e aos animais que serão nele mantidos.
– Eliminando o cloro da água potável
Use um filtro de carbono ativado na água potável. Esse material é um filtro especial capaz de remover cloro, cloramina e ainda outros compostos orgânicos da água. Alguns filtros de carvão ativado podem ser conectados diretamente ao suprimento de água de sua residência ou, ainda, você poderá comprar um filtro que o contenha.

  • Filtros de carvão ativado removem tanto o cloro como a cloramina.
  • Escolha um filtro de carvão ativado com certificação INMETRO, ISO ou NSF International.
Instale um filtro de osmose reversa em sua casa. Essa tecnologia se refere ao processo no qual íons e partículas são removidas da água. Sistemas de osmose reversa podem ser instalados diretamente debaixo da pia da cozinha ou na entrada da água da residência, o que os torna muito convenientes com relação a outros métodos. No entanto, eles são também muito caros, podendo chegar a custar milhares de reais.

  • Além disso, os filtros de osmose reversa consomem bastante energia e produzem muito desperdício.
 
Troque o filtro conforme a necessidade. Todos os filtros devem ser trocados com relativa frequência. A quantia de tempo que passa entre essas ocasiões, no entanto, varia de acordo com o tamanho do filtro e com a intensidade de seu uso. Leia as informações passadas pelo fabricante a fim de garantir que a frequência de troca seja adequada.
Ferva a água clorada por algum tempo. A fervura resulta no aquecimento e na aeração (através das bolhas) da água de modo suficiente para eliminar o cloro, que é volátil, depois de apenas 20 minutos. No entanto, se você deseja eliminar o cloro de grandes porções de água, esse método provavelmente não será muito prático.

  • Ferver a água por 20 minutos ou mais também remove todo o conteúdo de cloramina, que é adicionada no lugar do cloro em algumas regiões.
– Eliminando o cloro da água para usos gerais
Deixe que o cloro evapore naturalmente. Encha um balde ou uma bacia com a água a ser tratada e não a cubra. A seguir, coloque-a em um local com o mínimo possível de partículas aéreas e resíduos, para evitar uma potencial contaminação. Ao longo do tempo, o cloro presente na água se dissipará devido à exposição ao sol e ao ar.

  • A duração de tempo necessário para eliminar o cloro da água com esse método dependerá do volume a ser tratado e da quantidade de luz solar direta a ser recebida. Além disso, quanto mais largo e raso o recipiente, mais rapidamente o processo ocorrerá.
  • Observe a água regularmente com um kit de testes a fim de determinar quanto cloro ainda permanece.
  • A evaporação não é capaz de eliminar a cloramina, usada em algumas regiões no lugar do cloro. Também não é recomendável usar esse processo para se obter água potável, devido à facilidade de contaminação.
 
Acrescente uma colher de chá de ácido ascórbico para cada quatro litros de água. O ácido ascórbico em pó (também conhecido como vitamina C) é capaz de neutralizar o cloro. Basta colocar uma porção sobre a água e misturá-la a seguir. Tal método funciona melhor para a eliminação do cloro na água destinada a plantas ou sistemas hidropônicos.

  • O ácido ascórbico é barato e pode ser encontrado na maioria das lojas de animais.
  • Ele é capaz de remover tanto o cloro como a cloramina. Além disso, essa substância não deverá afetar qualquer sabor, se você optar por ele ao preparar água potável.
 
Use luz ultravioleta para eliminar o cloro da água. Coloque a água a ser tratada o mais perto possível de uma lâmpada ultravioleta. A quantidade exata a ser necessária dependerá do volume de água, da potência da lâmpada e da presença de substâncias químicas orgânicas no líquido.

  • Normalmente, você deve tratar a água clorada com uma lâmpada ultravioleta na faixa de 254 nanômetros e com densidade energética de 600 milímetros por centímetro quadrado.
  • A lâmpada ultravioleta removerá a cloramina bem como o cloro. Esse também é um processo adequado para a obtenção de água potável.”
Fonte: WikiHow https://bit.ly/2nh7R1F

Compartilhe: